moralidade

John F. Kennedy disse que a coragem da vida é uma magnífica mistura de triunfo e tragédia. um homem faz o que precisa, sem pensar nas conseqüências, sem pensar nos obstáculos e estragos e na pressão, e essa é a base de toda moralidade. Friedrich Nietzsche segue a mesma linha de pensamento.

acredito que um homem só é honesto consigo mesmo e com todos ao seu redor quando atinge a plenitude em todos os seus atos. ultimamente tenho feito muitas besteiras, na verdade uma atrás da outra. sabe, por toda minha vida, sempre fiz de tudo para agradar aos outros, mesmo que me fosse prejudicial. sempre foi assim com amigos, família, mulheres, contatos profissionais.

desde sempre fui taxado como bom no que faço, sempre disseram que era talentoso, diferenciado e que teria um grande futuro pela frente. a pressão e expectativa que sempre existiu em torno de mim sempre me sufocou, dai nasceu minha necessidade de agradar a tudo e a todos, mas isso nunca me fez feliz realmente. até hoje busco meu limite, meu ápice e o que consegui não passou de uma perseguição infinita a minha sombra grande sombra.

quando comecei esse blog, minha primeira descrição citava que estava partindo, iria viajar por ai e apagar minha trilha na poeira. decisão fácil não? começar do zero, sem nenhuma sombra pra perseguir.

não farei mais isto, vou ficar aqui. me dedicarei ao meu curso de francês que recomeça agora em agosto, melhorarei meu inglês para que ele seja realmente fluente, voltei a recapitular algumas matérias básicas para voltar a estudar, farei a faculdade que sempre sonhei. tudo porque gosto, porque é o que quero pra mim.

também não lutarei mais pelo o que os outros vêem para mim e minha vida. a partir de hoje, tomarei decisões pensando em mim e no que acho ser melhor pra mim. não competirei mais para ser melhor do que os outros, competirei para ser melhor do que eu mesmo ontem. darei o máximo de eu pra eu mesmo e farei o que for possível pelos outros.

moralidade pra mim é isto, dar o máximo de você sempre.
o que é moralidade pra você?

ps – uma citação me fez repensar em quase toda a minha vida e de tabela, escrever um bocado. ando falando muito sobre o cara que quero ser, está na hora de apenas sê-lo. pode deixar que os manterei informados.

você está pensando sobre o que no mundo?
rir na cara do amor
o que você está tentando fazer na terra?
é até você, é você

Instant Karma – John Lennon

Anúncios

8 Responses to “moralidade”


  1. 1 Urban julho 26, 2008 às 10:10 am

    Moralidade prá mim se resume nesta frase:
    “Sem a nada e ninguém prejudicar, faça o que desejar”

    Gostei muito do teu desabafo … boa sorte!
    😉
    beijos

  2. 2 B - A Vida Secreta julho 26, 2008 às 11:24 am

    Este comentário foi por e-mail… Beijos!

  3. 3 jade julho 26, 2008 às 10:17 pm

    Moralidade p mim é:
    “Aproveitar ao máximo a vida, sempre consciente dos meus atos,respeitar ao outros sim, mas em primeiro lugar não faltar com respeito a minha própria pessoa”.

    porque acontece muito de você se preocupar demais com o que os outros vão sentir com determinada situação e você acaba
    magoando a si mesmo, para proteger os outros,temos que fazer o que nos faz sentir bem, ter a nossa individualidade,claro que eu respeito as pessoas, e espero o mesmo delas, só que nem sempre as pessoas vão se preocupar com o que estamos sentindo.
    Bjs.

  4. 4 Felina julho 28, 2008 às 10:31 am

    Também vivi agradando aos outros, sendo extremamente sufocada por expectativas, e apostas, e créditos… até que resolvi fazer as coisas por mim mesma… e descobri que errar é muito bom!

    Um conselho pra vc: erre mais, a vida ganha cores novas

    Mas cometa erros em que possa voltar pela trilha, e chegar no caminho do meio… nnao se perca nos erros…

    Bjocas, lerei seus outros posts com calma

  5. 5 Sentimental julho 28, 2008 às 3:42 pm

    Moralidade é seguir a vida de acordo com os seus princípios, respeitando a sua própria vontade e os seus valores, se ‘importando’ com os outros, mas sem passar por cima de vc pra agradar ninguém…
    beijos

  6. 6 Senhorita Rosa com o candelabro, na biblioteca julho 30, 2008 às 12:32 am

    Wow, R. Parabéns pra você. Sabe que tem uma matéria bacanuda na Vida Simples de agosto (tá no abril online, dá uma googlada que usted acha mole) que fala sobre descobrir o que a criança interior queria?
    Acho que vale ler.
    Palmas e suerte pra usted.

    Bezzos,

  7. 7 Urban - Eroticidades julho 31, 2008 às 7:46 am

    huummmm
    vc resolveu desaparecer novamente … que peninha.

    espero que hj mesmo sumido, vc comemore bem o dia do orgasmo, de preferência com aquela menina da antena gay, rsssssss

    beijo R.
    e tudo de gostoso hj e sempre!
    🙂

  8. 8 aliengirl julho 31, 2008 às 8:58 am

    Oi, ainda não pensei bem sobre o que é moralidade, mas concordo com Urban e Jade…e entendo perfeitamente oque vc sente, pois eu já passei por isso também e estou cuidando mais de mim agora sem me preocupar muito com o que os outros vão pensar de mim.. e de fato os outros não gostam muito quando vc é vc mesmo.. beijos! Se quiser conversar em inglês taí um bom treinamento… eu também quero ser fluente!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




autor

R. é audacioso, provocativo e comunicativo. ávido leitor, ele é freqüentador assíduo de livrarias e também um apaixonado pelo cenário underground e cultural de São Paulo. sua paixão por livros rivaliza-se apenas a sua pelas mulheres. leia mais sobre mim.

leitura atual

Discursos impios, de Marquês de Sade

Discursos ímpios, de Marquês de Sade

veja o que já li

notas em destaque

histórico

extras


adicione rss - feed

selos


prêmio dardos

%d blogueiros gostam disto: